A difícil arte de gerenciar talentos

talent-management-business-strategy

Uma organização nasce do desejo de um Empreendedor, do seu sonho de tornar viável algo que na maioria das vezes ele é um especialista. Especialista, se eu sei fazer não tem como errar, esse é o maior erro de um Empreendedor. Ser especialista em manutenção de automóveis não me torna especialista em gerenciar uma empresa de manutenção, saber fazer o melhor pão ou bolo não me qualifica como especialista em gerenciar o negócio como um todo.

Qualquer especialização facilita o trabalho final, o resultado do produto está diretamente ligado ao especialista, que mesmo assim deve estar aberto a novas tecnológias, tendências e mercados. A especialização irá facilitar o controle dos processos, bem como as variáveis necessárias para atingir os melhores resultados produtivos, é uma base sólida para obtenção de resultados positivos.

De acordo com o Sr Luiz Barretto, Presidente do Sebrae Nacional, em artigo para Brasil Econômico a cada 100 empresas criadas 76 sobrevivem aos dois primeiros anos de vida. (brasileconomico.ig.com.br), o que é uma grande mudança no cenário.

Dentro desse novo contexto o problema que impossibilita um número maior de empresas é o mesmo, saber gerenciar vai muito além de ser especialista. O Empreendedor deve conhecer os preceitos básicos de administração, ou ter colaboradores que sejam capacitados para isso. O ciclo PDCA, baseado em um Plano de Negócios bem definido é o primeiro passo, através dele se pode simular mercado, clientes, fornecedores, pontos positivos e negativos, possibilidades de melhoria e oportunidades.

Com o Plano definido , e o início do negócio se deve ater às principais falhas, que na maioria das vezes é entender que é muito mais importante para o Empreendedor gerenciar que focar uma área apenas, o principal papel deve ser de monitorar através das ferramentas de controle o desempenho e os resultados, saber qual decisão tomar diante de cada resultado e mudar o curso quando necessário.

A base do ciclo PDCA deve ser o "norte" a ser se seguido:

Planejar- Cada negócio requer um plano específico mas a base dita onde se quer chegar e qual o caminho e ferramentas para o mesmo;

Desenvolver-Quem faz o que, e como é feito, setores, pessoas, departamentos, a etapa "mão na massa";

Controlar- Quais ferramentas utilizo, gráficos, registros, planilhas, anotações, de acordo com os recursos e conhecimentos opto pela melhor feramenta;

Ação- Em períodos pré determinados é feita uma análise dos resultados e decisões são tomadas para realimentar o círculo.

Gerenciar talentos, gerenciar o Talento Natural do Empreendedor é o seu maior desafio, e principalmente a sua melhor arma para atingir seus objetivos, disciplina, busca constatante de melhoria e perseverança são suas armas. Da mesma maneira que gerenciar seu talento natural requer afinco, seu resultado se feito com planejamento é gratificante e um passo para o sucesso da organização.

Matéria do site Administradores.com

Share on LinkedInShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someoneCompartilhe
Posted in: Blog
Comente: